Guia de conexão da Authorize.Net

Seguir

A Authorize.Net é um dos diversos provedores de processamento de pagamento com quem temos conexão através da nossa Funcionalidade de Processador de Pagamento.

Passo 1. Crie uma conta na Authorize.Net (caso ainda não tenha uma)

Se você ainda não possui uma conta na Authorize.Net, você precisará se inscrever para ter uma. Como a inscrição junto a um Processador de Pagamento envolve dados financeiros e negociações contratuais, não podemos criar uma conta por você. Caso já tenha uma conta na Authorize.Net, vá para o passo 2.

Para se cadastrar na Authorize.Net acesse https://www.authorize.net/, e clique em 'Sign up' (Inscreva-se). Siga as instruções que aparecerão na tela

Passo 2. Obter o API Login ID e a Transaction Key

Para conectar a sua conta da Authorize.Net, você precisará do seu API Login e a Transaction Key da Authorize.net. Essas não são as credenciais que você normalmente usa para fazer o login na sua conta, apenas para conectar os dois sistemas através do API.

Seguem as instruções para encontrar o API Login e a Transaction Key da Authorize.net. Descrevemos o processo abaixo, mas você também encontra instruções aqui.

  1. Faça o login na sua Interface de Vendedor através do site https://account.authorize.net. Clique em 'Account' (Conta) que está na barra de ferramentas principal.
  2. Clique em 'Settings' (Configurações) no menu à esquerda.
  3. Clique em 'API Credentials and Key' (Key e Credenciais API) na seção 'Security Settings' (Configurações de Segurança).

4. Nessa página, você encontrará o API Login ID
5. Para obter a Transaction Key - na opção Create New Transaction Key (Criar Nova Transaction Key), digite a resposta da sua Pergunta Secreta, clique em 'Obtain: New Transaction Key' (Obter: Nova Transaction Key), e clique em Submit (Enviar).

OBSERVAÇÃO: A Authorize.Net apenas mostra a Transaction Key quando é gerada pela primeira vez. Se você gerar uma nova Transaction Key, os softwares ou códigos que usavam a antiga precisarão ser atualizados com a nova para evitar erros.

Observações sobre a Transaction Key:
  • Caso a caixa "Disable Old Transaction Key" (Desativar a Transaction Key Antiga) não esteja selecionada, a Transaction Key antiga levará 24 horas para expirar. Se a caixa estiver selecionada, a Transaction Key expira imediatamente. Se você possui instalações de software, não selecione a caixa a menos que você precise parar imediatamente todos os processamentos de pagamento através da configuração do software. Ao não selecionar a caixa, a Transaction Key continuará válida por 24 horas, o que lhe dará tempo para atualizar o seu software com a nova Transaction Key.
  • Guarde a Transaction Key em um local bem seguro. Após ser gerada, ela não poderá ser visualizada novamente. Não compartilhe com ninguém, pois é utilizada para proteger as suas transações.
  • Para Server Integration Method (SIM), a Transaction Key também é usada para criar uma impressão digital única da transação. Utilizando a Transaction Key e algumas informações específicas da transação, o script no servidor de rede do vendedor usa um algoritmo matemático complexo para gerar uma impressão digital do documento. Essa impressão digital é enviada junto com as informações da transação para o processador.
  • Antes de aceitar a transação, o processador utiliza a Transaction Key e os dados da transação para recriar a impressão digital exclusiva. Se a impressão digital gerada pelo processador for a mesma que a enviada junto da transação pelo vendedor, a transação é aceita para autorização. Se as impressões digitais não foram as mesmas, a origem da transação não poderá ser autenticada e ela será rejeitada.
  • Para outros APIs, como por exemplo o Advanced Integration Method (AIM), Card Present (CP), Automated Recurring Billing (ARB) e Customer Information Manager (CIM), a Transaction Key é criptografada junto com todos os outros dados da transação ao ser enviada para a Authorize.Net, e é diretamente usada para autenticar solicitações enviadas ao processador. Se uma solicitação não pode ser autenticada utilizando uma Transaction Key, a solicitação será rejeitada.
  • Você pode criar uma nova Transaction Key quantas vezes quiser.
Passo 3. Conectar a Authorize.Net ao myfrontdesk

Para conectar a Authorize.Net ao myfrontdesk, você precisa ter a funcionalidade de processador de pagamentos ativada (ferramenta paga adicionalmente). Entre em contato conosco através do sac@cloudbeds.com para saber mais informações e solicitar a ativação da funcionalidade.

1. Faça o login no myfrontdesk e acesse a página de Formas de Pagamento
2. Role a página até a seção 'Conectar um Processador de Pagamento' e ative a opção
3. Selecione Authorize.Net como o seu processador
4. Digite o seu API Login da Authorize.Net
5. Digite a sua Transaction Key da Authorize.Net
6. Clique em 'Conectar Processador'

Passo 4. Configurações específicas da Authorize.Net
1) Desligar o Modo Teste na Authorize.Net

Para começar a processar cobranças no myfrontdesk através da Authorize.Net, você precisa se certificar de que o Test Mode (Modo Teste) na Authorize.Net esteja desligado e que a conta esteja configurada em LIVE (online). Para desligar o Test Mode da sua conta, siga os passos abaixo:

  1. Entre na Interface de Vendedor em https://account.authorize.net. Clique em Account (Conta) na barra de ferramentas principal.
  2. Clique em Settings (Configurações) no menu principal à esquerda.
  3. Clique em Test Mode (Modo Teste) na seção Security Settings (Configurações de Segurança).
  4. Arraste o botão para Live. A interface confirmará que as configurações do Test Mode (Modo Teste) foram aplicadas e que a conta agora está no Live Mode (Modo Online).
2) Configuração recomendada de Solução de Detecção de Fraude (desativando as Configurações AVS)

Recomendamos que você desative a AVS/algumas regras de Detecção de Fraude, permitindo processar  cartões de crédito no myfrontdesk mesmo sem o endereço de faturamento preenchido. Isso é recomendado pois a maioria dos canais/OTAs não enviam os dados de cartão de crédito com o endereço de faturamento ao myfrontdesk, o que significa que você não poderá processar os pagamentos através do myfrontdesk a menos que tenha o endereço de faturamento preenchido manualmente.

Veja as instruções abaixo para desativar AVS na Authorize.Net:

1. Faça o login na Interface de Vendedor em https://account.authorize.net/ > Clique em Tools (Ferramentas) > Selecione Fraud Detection Suite (Solução de Detecção de Fraude) > Clique em Setup Wizard (Assistente de Configuração)

 

2. Na página do Setup Wizard (Assistente de Configuração) você pode mudar as configurações específicas de detecção de fraude. As telas abaixo mostram as configurações recomendadas para cada opção:

3) O que eu devo fazer se tenho o AVS ativado na Authorize.Net?

Se você quer usar o AVS (sistema de verificação de endereço dentro do processador) - o processador exigirá que os cartões de crédito a serem cobrados tenham seu endereço de faturamento completo cadastrado.

SOLUÇÕES:

1) para futuras reservas diretas/reservas pelo mybookings, você poderá fazer com que o endereço de faturamento seja obrigatório: hóspedes que realizam reservas pelo mybookings terão que preencher seu endereço de faturamento;

2)  para reservas via OTA: o myfrontdesk não controla se seus hóspedes que fazem a reserva via OTA enviarão seu endereço de faturamento com os dados do cartão de crédito. Algumas OTAs permitem controlar em sua Extranet essa exigência, mas como via de regra, as OTAs não exigem e não enviam o endereço de faturamento ao myfrontdesk, apenas os dados principais do cartão (nome do portador, número, tipo, código de segurança).

Se você possui AVS ativado, mas o cartão de crédito será importado do canal sem o endereço de faturamento, você não poderá fazer a cobrança do cartão através do myfrontdesk.

Para reservas sem o endereço de faturamento ou que foram importadas sem ele, você precisará editar o cartão de crédito no myfrontdesk digitando o endereço manualmente;

Como solução, você pode desativar o AVS na Authorize.Net para processar os cartões de crédito sem o endereço de faturamento (ver seção acima)

Como a Authorize.Net processa reembolsos

A Authorize.Net não permite o reembolso da transação no mesmo dia em que ela foi realizada. Para mais informações, segue a explicação da Authorize.Net:

Por volta da meia-noite, a Authorize.Net junta todas as transações que ocorreram durante o dia e as envia ao banco para liquidação. Após esse processo, a transação é considerada "liquidada". Apenas após a transação ser liquidada é possível realizar o reembolso/crédito.

Essa é uma política da Authorize.Net e não podemos mudar isso através da plataforma da Cloudbeds.

Esse artigo foi útil? Envie uma solicitação

Comentários

Desenvolvido por Zendesk